sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Estevão Andrantos colaborador da PROPEX é destaque na FORGEP TV,

Estevão Andrantos colaborador da PROPEX é destaque na FORGEP TV.






Estevão Andrantos colaborador da PROPEX é destaque na FORGEP TV, veja no link: http://www.dailymotion.com/video/x1kifin_apresentacao-cultural-reuniao-ordinaria-forgep-aracaju-se-marco-2014_music
Apresentação Cultural do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sergipe (IFS) na XII Reunião Ordinária do FORGEP realizada no IFS no período de 27/03/2014 a 28/03/2014

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Propex promove leitura cênica no novo espaço da biblioteca do Campus Aracaju

Propex promove leitura cênica no novo espaço da biblioteca do Campus Aracaju




 No último dia 6 de outubro, data da reabertura da biblioteca do Instituto Federal de Sergipe (IFS) - Campus Aracaju, que atualmente funciona em novo espaço, foi realizada a leitura cênica da peça teatral 'Jogo das almas no julgamento'.


O evento, promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão (Propex), foi desenvolvido pelos alunos da oficina de teatro do referido campus - Wilma Moraes, Cézar Silva, Suanny Araújo, Brisa Eloi e Andrey Costa - sob orientação do estagiário de Teatro do IFS e graduando em Teatro pela UFS, Estevão Andrantos.


Peça

A peça teatral cuja leitura foi realizada no dia 6 é de autoria de Tarcísio Ramos, que iniciou nas artes aos 15 anos, tendo estudado artes cênicas no Rio de Janeiro e atuado na Cia. Estanciana de Artes Cênicas. O jovem é também diretor do Grupo de Teatro Nova Imagem, do bairro Cidade Nova, além de ter sido responsável pela implantação, na cidade de Estância, do Teatro do Oprimido, prática cênico-pedagógica espalhada por todo o país e desenvolvida pelo carioca Augusto Boal na década de 1970.


O texto 'Jogo das almas no julgamento' foi extraído do livro 'Ponto de Partida' e possui um teor satírico, avaliando a função de Deus e do Diabo, colocando em jogo o julgamento que é feito das pessoas. Após a leitura cênica, foi realizada a entrega do certificado a cada um dos participantes da oficina.








Alunos da oficina de teatro da Propex participam de exercício performático

Alunos da oficina de teatro da Propex participam de exercício performático


 No último mês, os alunos que integram a oficina de teatro promovida pelo Instituto Federal de Sergipe (IFS), através da Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão (Propex), no Campus Aracaju, participaram do exercício performático 'Estereótipos Caos Religioso'.

A oficina é ministrada pelo estagiário de Teatro do IFS e graduando em Teatro pela Universidade Federal de Sergipe (UFS), Estevão Andrantos. As aulas acontecem às quartas-feiras, nos turnos manhã e tarde, para alunos e servidores do IFS, além da comunidade externa, e combinam o conhecimento prático ao teórico, com apreciação de materiais em vídeos, aulas de consciência corporal e interpretação.


Performance

Segundo Estevão, a proposta da performance era entender que a linguagem da expressão artística tem possibilidades infinitas de realizações. "A minha inspiração para essa performance foi o trabalho de Pina Bausch. A ideia era trabalhar com estereótipos, então propus aos alunos que eles trouxessem algo escrito que refletisse um pouco da essência de cada um e depois interpretassem o que estava escrito", conta. Em momento posterior, os alunos pesquisaram sobre estereótipos de líderes religiosos e desenvolveram esse estereótipo corporalmente.


Wilma Moraes conta a sua expectativa antes da apresentação. "De imediato, fiquei surpresa com a construção do cenário: um ambiente antes repleto de materiais que aos nossos olhos jamais poderiam se apresentar como estéticos ajudavam a criar o cenário. Não posso deixar de ressaltar o cuidado de Estevão em criar para nós um ambiente confortável, que trouxe segurança para enfrentarmos o medo da nossa primeira apresentação, a sensação de despreparo e o receio da exposição ao público", relata a estudante.


 Segundo o aluno Cézar Silva, depois de alguns meses de aulas intensas e preparação para a performance, foi gratificante ver o trabalho sendo realizado. "O feedback vinha de forma imediata, pela reação, olhares e sentimentos transmitidos pelo público. O teatro é magicamente gratificante e o trabalho desenvolvido pela Propex é magnífico, temos mais arte para levar para aos corredores do instituto", afirma.



Novos docentes são empossados e lotados em diversos campi do IFS

Novos docentes são empossados e lotados em diversos campi do IFS

Na manhã da última quinta-feira, 21, tomaram posse 10 novos servidores do Instituto Federal de Sergipe (IFS), sendo nove docentes e um técnico administrativo. A solenidade aconteceu no auditório do Pronatec e contou com a presença de familiares dos empossados, além de técnicos e docentes do instituto.

 Compuseram a mesa o diretor geral do Campus São Cristóvão, Alfredo Cabral, representando o reitor do IFS, Ailton Ribeiro de Oliveira, que estava em Brasília participando da sua cerimônia de posse para o quadriênio 2014-2018; o chefe do Departamento de Administração de Pessoas, Paulo Durval Barreto, representando o professor Marco Arlindo Néri, pró-reitor de Gestão de Pessoas; e o chefe do Departamento de Seleção e Desenvolvimento de Pessoas, Diego Rodrigues.

O professor Alfredo afirmou estar muito satisfeito e feliz, como diretor de campus e ex-aluno da casa, em receber os novos servidores. "Estamos aqui recebendo mais 10 pessoas que farão parte da família do IFS. A contratação de vocês demonstra que estamos avançando na questão educacional, como também na área administrativa", diz.

Solenidade

A solenidade de posse dos servidores contou, ainda, com a participação de Estevão Andrantos, que executou o Hino Nacional. Já foram empossados ao todo 19 docentes aprovados no último concurso realizado pelo IFS, e há a expectativa de nomeação de ainda mais profissionais nos próximos dias.


 Paulo Durval, em nome do pró-reitor Marco Arlindo, deu as boas-vindas aos novos servidores. "A Progep está à disposição de vocês para dirimir qualquer dúvida, inclusive sobre o novo regime de previdência complementar disponibilizado pelo governo", declara.

Diego Rodrigues parabenizou os novos servidores que a partir de agora ingressam na instituição. "Vocês irão contribuir com o crescimento do IFS, que tem como objetivo levar a educação profissional e tecnológica para todo o estado de Sergipe. Podem se sentir orgulhosos em fazer parte desse instituto, que tanto tem investido na qualificação dos seus servidores", enfatiza.

 Agradecimento

O novo servidor Daniel Vieira, ocupante do cargo de Músico, parabenizou os demais colegas empossados e agradeceu a presença da sua família na ocasião. "Com o oferecimento do cargo de Músico, o IFS entende que a música faz parte da formação educacional dos seus alunos e isso é muito positivo", ressalta.

Jonas Jandson, professor de Inglês lotado no Campus Lagarto, veio do Ceará para tomar posse e falou sobre o seu histórico com a educação profissional e tecnológica. "Sou ex-aluno do Instituto Federal do Ceará (IFCE) e sempre tive o desejo de retornar como professor. Já conheço a metodologia de ensino dos institutos e sempre me imaginava nesse universo", assinala.

Expectativa

O professor da área de Sociologia do Campus Lagarto, Sérgio Lima, doutorando da área na Universidade Federal de Sergipe (UFS), fala de sua expectativa ao ingressar no IFS. "Minhas expectativas são as melhores possíveis. Como acadêmico, me sinto na obrigação de me engajar nas pesquisas, tanto para conjugar com o que eu já estudo no doutorado, quanto para contribuir com o crescimento do instituto", destaca.
Edney Nogueira, professor de Filosofia, já leciona há cerca de 10 anos e era professor da rede estadual antes de assumir o cargo no IFS. "Acredito que numa instituição como o IFS podemos crescer muito profissionalmente. Espero corresponder as expectativas da instituição e buscar cada vez mais qualificação, para que isso se reflita na sala de aula", analisa.
http://www.ifs.edu.br/todas-as-noticias/2956-novos-docentes-sao-empossados-e-lotados-em-diversos-campi-do-ifs

Cerimônia de abertura marca início do I Fórum de Pós-Graduação do IFS

Cerimônia de abertura marca início do I Fórum de Pós-Graduação do IFS


 Na tarde da última quinta-feira, 13, foi realizada a cerimônia de abertura do I Fórum de Pós-Graduação do Instituto Federal de Sergipe (IFS). Estiveram presentes diversos docentes e técnicos administrativos de todos os campi da instituição a fim de discutir a oferta de novos cursos de pós-graduação pelo instituto, agregando as pesquisas já existentes na instituição à referida oferta e vice-versa.

O reitor do IFS, Ailton Ribeiro de Oliveira, falou da importância de realizar discussões acerca da oferta de cursos de pós-graduação no instituto. "Desejo que vocês realizem bons debates a respeito deste tema, com o objetivo também de consolidar a articulação entre o ensino técnico, de graduação e de pós-graduação em nosso instituto", afirma.


 O professor Daniel Rodrigues, chefe do Departamento de Pós-Graduação do IFS, agradeceu a presença de todos no evento, que recebeu quase 120 inscrições. "Fico bastante feliz ao ver que o fórum teve essa repercussão, ao perceber que muitas pessoas aceitaram o convite para participar da construção dessa ousada proposta de ofertar programas de pós-graduação no IFS", diz.

Prioridade
Segundo a professora Ruth Sales, pró-reitora de Pesquisa e Extensão, a qualificação dos servidores vem sendo tratada como prioridade no IFS. "Temos inúmeras ações nesse sentido, como o oferecimento de bolsas, o afastamento total de docentes e técnicos administrativos para realização de cursos de mestrado e doutorado, a concessão de horário especial para o servidor estudante, o Minter e o Dinter, os convênios firmados com outras instituições, tudo isso com o intuito de juntos construirmos uma instituição cada vez melhor", assinala.


O professor Alberto Aciole, diretor do Campus Nossa Senhora do Socorro, fez questão de parabenizar toda a equipe da Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão (Propex) pela realização do fórum. "Em um mercado de trabalho cada vez mais competitivo e exigente, a pós-graduação tornou-se um diferencial. Nesse sentido, o IFS tem se esforçado para oferecer não só cursos de graduação, mas também de pós-graduação, todos inovadores, gratuitos e de qualidade", enfatiza.


Solenidade

A abertura do I Fórum de Pós-Graduação do IFS contou, ainda, com a apresentação do artista Estevão Andrantos, que cantou o Hino Nacional e a música 'Aquarela do Brasil', acompanhado pelo servidor Jessé Mendes, no teclado.

Para dar início ao fórum, foi ministrada a palestra 'Trajetória do mestrado (acadêmico) em Educação Profissional do IFRN e seu papel na formação de professores/pesquisadores', pelo professor doutor Dante Henrique Moura, do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN). A palestra teve como mediadora a professora Irinéia Rosa do Nascimento, do Campus São Cristóvão.


Na palestra, o professor ressaltou a importância de gerar conhecimento na área de educação profissional. "É fundamental que o profissional tenha a competência técnica, mas não devemos apenas forma mão-de-obra, é necessário também que ele saiba atuar de maneira crítica no mundo do trabalho", destaca.

A palestra de abertura foi seguida de um coquetel, oferecido a todos os presentes.
 


Abertura dos Jogos de Integração movimenta ginásio do Campus Aracaju

Abertura dos Jogos de Integração movimenta ginásio do Campus Aracaju

A manhã desta quinta-feira, 20, foi marcada pelo esporte no Instituto Federal de Sergipe (IFS). Foi realizada, no Ginásio de Esportes do Campus Aracaju, a solenidade de abertura dos Jogos de Integração, que contou com a presença de professores, técnicos administrativos e alunos dos campi Aracaju, São Cristóvão, Lagarto, Itabaiana, Glória e Estância.


A abertura contou com apresentações do coral do IFS, CANTIFS, e do grupo de teatro do instituto, coordenado por Estevão Andrantos e composto por Jamile Santos, Ingredi Palmieri, Wilma Moraes, Andrey Costa, Suanny Araújo, Brisa Eloi, Davi Marques e Cézar Silva. Compondo a mesa, estiveram presentes os docentes Marcos França, José Rocha Filho, Maria Eliane Vargas, Alberto Aciole, Adelmo Menezes e Alex Sandro Barbosa.


 Representando o reitor do IFS, Ailton Ribeiro de Oliveira, o professor Aciole agradeceu a presença de todos na cerimônia, especialmente aos atletas. "Gostaria de enaltecer o trabalho desenvolvido em prol do desporto no instituto, sempre buscaremos promover atividades esportivas como forma de integração. Que esses dias sejam maravilhosos, deem o máximo de vocês em cada modalidade, sempre respeitando o colega", afirma.

Em seguida, o aluno Anderson Dias, do Campus Lagarto, fez o juramento do atleta, enquanto que Carlos Alberto, presidente de Associação de Árbitros de Palmeira dos Índios (AL), fez o juramento do árbitro. Finalizando a solenidade de abertura, o professor Jamesson Gouveia e o aluno Wilder Amorim conduziram a tocha olímpica e houve uma confraternização entre todos os atletas participantes.






Comunidade acadêmica do IFS participa da abertura dos Jogos Intercampi

Comunidade acadêmica do IFS participa da abertura dos Jogos Intercampi

Na manhã da última quarta-feira, 19, foi realizada no Ginásio de Esportes do Campus Aracaju a abertura dos Jogos Intercampi do Instituto Federal de Sergipe (IFS). O evento tem o objetivo de promover a integração entre alunos e servidores dos seus diversos campi por meio de competições esportivas coletivas e individuais.

A cerimônia contou com apresentações artísticas da Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica, do violonista e professor Antônio Alvino Argollo, do pianista Jessé Mendes, do ator, cantor e bailarino Estevão Andrantos, além da presença do Pavilhão Nacional de Pelotão de Bandeiras do 28º Batalhão de Caçadores.

O reitor do IFS, professor Ailton Ribeiro de Oliveira, cumprimentou todos os presentes, em especial os componentes da mesa, e parabenizou os atletas participantes dos jogos e os professores de Educação Física e integrantes da Propex, que trabalharam para que o evento fosse possível. Ele também ressaltou os principais investimentos realizados no instituto nos últimos dois anos.

"O trabalho da nossa gestão tem como horizonte o oferecimento de uma educação pública de qualidade. Para isso, temos investido maciçamente em laboratórios, veículos, saúde, reativação dos refeitórios, bolsas de pesquisa e extensão. Mas precisamos também dar prioridade às áreas de arte, cultura e esporte, fundamentais para o processo de aprendizagem", diz.

Ele também lembrou as principais ações que estão sendo desenvolvidas nessa área. "A nossa Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão tem trabalhado intensamente, estamos contratando dois professores de música, com o objetivo de reativar o nosso coral, adquirimos um placar eletrônico e também assentos para os ginásios de Aracaju e Lagarto. Além disso, em breve será lançado o edital de bolsa atleta, para beneficiar o nosso alunado", conta.


 Honra ao mérito

Na ocasião, também foram entregues certificados de honra ao mérito a Roberto Negrão, idealizador dos jogos das escolas técnicas do Nordeste, Manuel Oliveira, presidente da Confederação Brasileira de Handebol, e Luciene Resende, presidente da Confederação Brasileira de Ginástica, representada na oportunidade por Maria Cristina Vidal, por sua contribuição para o desenvolvimento dos esportes nas instituições federais no estado de Sergipe.
O servidor aposentado do IFS, Manuel Oliveira, representando os homenageados, agradeceu emocionado o recebimento do certificado. "Quero agradecer por essa homenagem prestada, fui servidor do Campus São Cristóvão e me aposentei por esta casa, tenho muito orgulho disso. Desejo que vocês tenham excelentes jogos", diz.

Em seguida, a aluna Paula Noia fez o juramento do atleta, e quatro atletas de Aracaju, Itabaiana, Lagarto e São Cristóvão conduziram a tocha olímpica, representando a integração entre as comunidades acadêmicas de todos os campi. Ao final da cerimônia, os atletas participantes dos jogos se confraternizaram em um grande abraço coletivo no centro do ginásio.

Os organizadores dos Jogos Intercampi do IFS agradeceram também o fundamental apoio da Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico de Sergipe (Funcefet/SE), sem o qual a realização do evento não seria possível.

Jogos

O evento também servirá como base para a seleção dos atletas que irão representar o IFS nos jogos dos institutos federais da região Nordeste. A ideia é também incentivar a prática desportiva entre a comunidade acadêmica, integrando alunos e servidores e disseminando entre eles os valores relacionados ao bem comum.





Jogos Intercampi do IFS acontecem de 19 a 21 de junho no Campus Aracaju

Jogos Intercampi do IFS acontecem de 19 a 21 de junho no Campus Aracaju




Com o objetivo de promover a integração entre alunos e servidores dos seus diversos campi por meio de competições esportivas coletivas e individuais, o Instituto Federal de Sergipe (IFS), através da Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão (Propex), promove os Jogos Intercampi. O evento acontece de 19 a 21 de junho, no Ginásio de Esportes do Campus Aracaju.

A cerimônia de abertura, que acontece às 9h do dia 19, contará com apresentações artísticas da Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica, do violinista e professor Antônio Alvino Argollo, do pianista Jessé Mendes, do ator, cantor e bailarino Estevão Andrantos, além da presença do Pavilhão Nacional de Pelotão de Bandeiras do 28º Batalhão de Caçadores.


Haverá também a entrega de certificados de honra ao mérito a pessoas que contribuíram para o desenvolvimento dos esportes nas instituições federais no estado de Sergipe, como Roberto Negrão (IFS), Manuel Oliveira, presidente da Confederação Brasileira de Handebol, e Luciene Resende, presidente da Confederação Brasileira de Ginástica.


O evento também servirá como base para a seleção dos atletas que irão representar o IFS nos jogos dos institutos federais da região Nordeste. A ideia é também incentivar a prática desportiva entre a comunidade acadêmica, integrando alunos e servidores e disseminando entre eles os valores relacionados ao bem comum.


http://www.ifs.edu.br/todas-as-noticias/9-novas-noticias/2216-jogos-intercampi-do-ifs-acontecem-de-19-a-21-de-junho-no-campus-aracaju